Nossa loja oficial no Mercado Livre

Postado em jul 12, 2020

Depois de muitos pedidos e um tanto de trabalho, ficou pronta a nossa loja no Mercado Livre. É a loja oficial da Cervejaria Curitiba, onde nós produzimos a DUM. Você também pode conferir todas as cervejas que são produzidas nela: Gauden, Pagan e F#%*ing Beer. Com pedidos acima de R$ 120 o frete é de graça. Fizemos Kits com o valor acima de R$ 120 para facilitar, nesses kits você consegue frete gratuito. O link para a loja é:  https://www.mercadolivre.com.br/perfil/RESISTENCIACERVEJEIRA Esperamos que assim, o Brasil conheça o que é Petroleum de verdade, além das outras cervejas feitas com muito carinho e esmero na Cervejaria Curitiba. Em breve, iremos colocar souvenirs e outras coisitas mais, fique ligado.  ...

Leia mais »

DUM DAY I – O começo de tudo

Postado em maio 10, 2018

O ano era 2011 e a DUM estava prestes a completar um ano. Na época, a produção era feita apenas de forma caseira, mas a ideia desde o início era ter um hobby da maneira mais “profissional” possível. Tendo isso em vista as cervejas sempre receberam nomes que tivessem uma história com algum significado importante para a gente. O nome da cervejaria por exemplo veio da ideia de fazer cerveja em casa, no lar (DUM significa LAR em tcheco). Um dos princípios da DUM sempre foi o de fazer estilos de cervejas que não eram vendidos no Brasil. A gente idealiza o perfil da cerveja e aí procura os ingredientes para que nos possibilitem atingir tal objetivo, e não partir de um estilo para daí se pensar nos ingredientes. Naqueles tempos o movimento de cervejeiros caseiros em Curitiba já tinha passado do estágio embrionário para um crescimento consistente. A Acerva-PR havia sido criada em Outubro daquele ano e eventos com cervejas caseiras começavam a ser comuns. Eram frequentes encontros na Bodebrown de cervejeiros caseiros. Já havíamos participado do Curitiba Homebrewers Fest, do Festival de Blumenau em 2010, do Beerday no e do Encontro Nacional das Acervas. Era quase a metade do mês de julho, nos sentamos no Templo da Cerveja no shopping Hauer para tomar umas (no mesmo ponto da primeira loja Mestre-Cervejeiro.com). Começamos a planejar quais seriam os próximo passos da DUM. O Murilo tinha uma viagem programada para a Europa e íamos transferir todos os equipamentos para a casa do Luiz Felipe para podermos continuar fazendo cerveja. Afinal, em novembro teria uma nova edição do Festival de Blumenau e a Petroleum tinha que estar presente. Foi nesse momento que nos demos conta que estávamos prestes a fazer um ano de DUM e que os nossos freezers estavam cheios de cerveja. “Precisávamos” fazer uma festa para esvaziar os freezers e podermos transferir os equipamentos para a sede DUM Furacão. Pelas nossas contas a data de nascimento era 20 de julho. Seria um dia apenas com as cervejas da DUM: o DUM DAY. Batemos o martelo assim que descobrimos que o dia do amigo é no mesmo dia. O Beto Onofre, antigo proprietário do Templo da Cerveja, falou na hora, vamos fazer aqui no estacionamento, colocamos um latão e fazemos uns espetinhos. Como a ideia ainda era muito recente precisávamos beber mais para decidir. Acabamos indo para a Cervejaria da Vila para continuar com as “deliberações” sobre o aniversário da DUM. A Cervejaria da Vila foi o primeiro bar em Curitiba a ter os 4 chopes de linha da Eisenbahn e recém havia colocado também os chopes da Way. Chegamos lá e contagiados pela empolgação da criação da alcunha DUM DAY falamos com o Bruno Guimarães. Logo no primeiro momento ele ofereceu o bar para sediar o DUM DAY e disse que tinha uma cerveja para colocar no dia....

Leia mais »

22 cervejas da DUM no DUM DAY VII

Postado em jul 12, 2017

Nunca antes na história desse país um DUM DAY teve tantas cervejas da DUM. Serão 22 cervejas! Isso mesmo, VINTE E DUAS! Segure-se aí e preste atenção neste breve resumo: 12 Petroleums, 7 cervejas colaborativas (sendo uma delas com lançamento também em garrafas), o primeiro lançamento da série 3 e Meio em garrafa de 600ml e as já tradicionais Jan Kubis e Grand Cru. Muitas novidades, não?! Então vamos falar um pouco mais sobre todas essas cervejas. 12 Petroleums Petroleum – A receita foi desenvolvida em 2010, quando não existiam Imperial Stouts desse calibre no Brasil. A cerveja é negra como o petróleo e tem adição de cacau e aveia. Seus 12% de teor alcoólico estão bem inseridos com notas aromáticas marcantes de café e chocolate meio amargo, provenientes dos maltes tostados e adição de cacau belga. Petroleum Amburana, Castanheira e Carvalho Francês – A famosa receita da DUM foi envelhecida por 9 meses em barris de Amburana, Castanheira e Carvalho Francês. Utilizados pela Cachaça Porto Morretes, os barris conferiram a cada uma das 3 variações toques das madeiras e das cachaças que abrigaram anteriormente. Na Petroleum Baunilha,  o torrado marcante da Petroleum é suavizado pela baunilha que lembra um cappuccino, achocolatado e café com leite. A nota triste é que as favas correm risco de não mais entrarem no Brasil. Saiba mais sobre esse absurdo aqui. Petroleum Urfa, Chipotle e Pimenta da Jamaica – Essas cervejas levam a conceituada receita da Petroelum com adição de algumas pimentas. Em cada combinação, toques distintos provenientes de cada pimenta. A Urfa é uma pimenta defumada e fermentada proveniente da Síria, mais aromática do que picante. A Chipotle é uma pimenta defumada de sabor forte muito usada em pratos da culinária mexicana. Já a Pimenta da Jamaica é proveniente do país que lhe confere o nome; fruto de uma árvore, quase não é picante e tem um aroma complexo e adocicado. Petroleum Menta, Canela Cássia, Cacau Duplo e Café Catuaí Vermelho – A receita da Petroelum com adição de algumas especiarias que conferem características únicas a cada combinação.  Na Petroleum Menta, o clássico sabor da Petroleum recebe um toque de menta e cascas de limão. A Petroleum Canela Cássia, usa a Canela Cássia para dar ainda mais complexidade à famosa cerveja. A Petroleum Cacau Duplo, usa cacau orgânico produzido no Brasil acentuando ainda mais sua presença. Já a Petroleum Café Catuaí Vermelho, faz uso de Café Catuaí Vermelho do Franck’s Ultra Coffee, que foi maturado em barris de cachaça Porto Morretes. 7 colaborativas Pensando em novidades para a festa, a DUM realizou 7 sete cervejas colaborativas com cervejeiros de todo o país. A Powstanie Warszawskie, feita em parceria com a Smedgård (MG), leva centeio, cevada e os lúpulos poloneses Iunga e Vermelho. É leve, refrescante, aromática e faz referência às antigas cervejas continentais do Leste Europeu. Além de ser servida em chope será também...

Leia mais »

DUM DAY VII: Fim do lote 1 e início do Lote 2

Postado em maio 23, 2017

Vocês são incríveis e nos motivam cada vez mais a continuar na luta! Faltam cerca de 2 meses para a nossa festa de aniversário e em pouco mais de 24 horas todo o primeiro lote de ingressos acabou. Mas calma, se você ainda não garantiu a sua passagem para a felicidade de estar no DUM DAY VII, eis o LOTE 2! Garanta logo o seu ingresso e avise os seus amigos. Os ingressos são limitados, portanto não deixe para a última hora! Acompanhe mais informações pelo evento do Facebook. Serviço: Data: 22/07/2017, das 12 às 22h. Local: Museu Oscar Niemeyer (MON), R. Mal. Hermes, 999 – Centro Cívico, Curitiba. Preços: Lote 1: R$ 40; Lote 2: R$ 50; Lote 3: R$ 60. O ingresso inclui uma taça Cristal Blumenau colecionável do DUM DAY VII mais um chope que lançaremos na festa. Todos os lotes terão meia-entrada. Quando um lote de ingressos acaba o sistema muda automaticamente para o próximo lote. Onde comprar: Exclusivamente pela internet no link...

Leia mais »