DUM DAY I – O começo de tudo

Postado em maio 10, 2018

O ano era 2011 e a DUM estava prestes a completar um ano. Na época, a produção era feita apenas de forma caseira, mas a ideia desde o início era ter um hobby da maneira mais “profissional” possível. Tendo isso em vista as cervejas sempre receberam nomes que tivessem uma história com algum significado importante para a gente. O nome da cervejaria por exemplo veio da ideia de fazer cerveja em casa, no lar (DUM significa LAR em tcheco). Um dos princípios da DUM sempre foi o de fazer estilos de cervejas que não eram vendidos no Brasil. A gente idealiza o perfil da cerveja e aí procura os ingredientes para que nos possibilitem atingir tal objetivo, e não partir de um estilo para daí se pensar nos ingredientes. Naqueles tempos o movimento de cervejeiros caseiros em Curitiba já tinha passado do estágio embrionário para um crescimento consistente. A Acerva-PR havia sido criada em Outubro daquele ano e eventos com cervejas caseiras começavam a ser comuns. Eram frequentes encontros na Bodebrown de cervejeiros caseiros. Já havíamos participado do Curitiba Homebrewers Fest, do Festival de Blumenau em 2010, do Beerday no e do Encontro Nacional das Acervas. Era quase a metade do mês de julho, nos sentamos no Templo da Cerveja no shopping Hauer para tomar umas (no mesmo ponto da primeira loja Mestre-Cervejeiro.com). Começamos a planejar quais seriam os próximo passos da DUM. O Murilo tinha uma viagem programada para a Europa e íamos transferir todos os equipamentos para a casa do Luiz Felipe para podermos continuar fazendo cerveja. Afinal, em novembro teria uma nova edição do Festival de Blumenau e a Petroleum tinha que estar presente. Foi nesse momento que nos demos conta que estávamos prestes a fazer um ano de DUM e que os nossos freezers estavam cheios de cerveja. “Precisávamos” fazer uma festa para esvaziar os freezers e podermos transferir os equipamentos para a sede DUM Furacão. Pelas nossas contas a data de nascimento era 20 de julho. Seria um dia apenas com as cervejas da DUM: o DUM DAY. Batemos o martelo assim que descobrimos que o dia do amigo é no mesmo dia. O Beto Onofre, antigo proprietário do Templo da Cerveja, falou na hora, vamos fazer aqui no estacionamento, colocamos um latão e fazemos uns espetinhos. Como a ideia ainda era muito recente precisávamos beber mais para decidir. Acabamos indo para a Cervejaria da Vila para continuar com as “deliberações” sobre o aniversário da DUM. A Cervejaria da Vila foi o primeiro bar em Curitiba a ter os 4 chopes de linha da Eisenbahn e recém havia colocado também os chopes da Way. Chegamos lá e contagiados pela empolgação da criação da alcunha DUM DAY falamos com o Bruno Guimarães. Logo no primeiro momento ele ofereceu o bar para sediar o DUM DAY e disse que tinha uma cerveja para colocar no dia....

Leia mais »

DUM DAY VII: Fim do lote 1 e início do Lote 2

Postado em maio 23, 2017

Vocês são incríveis e nos motivam cada vez mais a continuar na luta! Faltam cerca de 2 meses para a nossa festa de aniversário e em pouco mais de 24 horas todo o primeiro lote de ingressos acabou. Mas calma, se você ainda não garantiu a sua passagem para a felicidade de estar no DUM DAY VII, eis o LOTE 2! Garanta logo o seu ingresso e avise os seus amigos. Os ingressos são limitados, portanto não deixe para a última hora! Acompanhe mais informações pelo evento do Facebook. Serviço: Data: 22/07/2017, das 12 às 22h. Local: Museu Oscar Niemeyer (MON), R. Mal. Hermes, 999 – Centro Cívico, Curitiba. Preços: Lote 1: R$ 40; Lote 2: R$ 50; Lote 3: R$ 60. O ingresso inclui uma taça Cristal Blumenau colecionável do DUM DAY VII mais um chope que lançaremos na festa. Todos os lotes terão meia-entrada. Quando um lote de ingressos acaba o sistema muda automaticamente para o próximo lote. Onde comprar: Exclusivamente pela internet no link...

Leia mais »

Lançamento: molhos com as cervejas da DUM

Postado em maio 10, 2017

Chegaram os molhos feitos com as cervejas da DUM! São indicados para cozinhar ou marinar, mergulhar no seu petisco predileto ou, ainda, dar aquele brilho por cima do seu sanduíche favorito. Entre em contato por email para verificar o preço para o seu estado: [email protected] No longínquo ano de 2014, antes do DUM DAY IV, iniciamos uma conversa com o Saulo da Cípria que produz desde 2010 molhos com especiarias. A ideia era desenvolvermos molhos com as nossas cervejas e assim foi feito o primeiro teste para a festa. O retorno foi bem positivo e decidimos que um dia teríamos molhos oficiais da DUM feitos pela Cípria. Desde então, muita água passou embaixo da ponte até chegarmos nas receitas finais, já com as suas embalagens para venda. Pensando na origem dos ingredientes e levando em consideração a relação com os produtores e a sua qualidade de vida, conseguimos dar o mesmo padrão DUM que sempre priorizamos em nossas produções, puxando para um paladar um pouco mais extremo. O resultado final foi um molho com cada cerveja nossa: Barbecue DUM Petroleum, Ketchup DUM Jan Kubis, Mostarda DUM Grand Cru e Chutney de Manga DUM Karel IV. Cada molho contém cerca de 15% de cerveja, mas devido à forma como é preparado, o produto final não tem presença significativa de álcool, parâmetro aferido em testes de laboratório. Os molhos são livres de conservantes e acidificados com ácido cítrico da cana. Mostarda DUM Grand Cru Molho de mostarda de grãos amarela, cítrica, picante e final levemente amarga. Perfeita para usar em sua receita, por cima de sanduíches ou mesmo com o seu petisco predileto. Barbecue DUM Petroleum Feito especialmente para os fãs de barbecue, tem um defumado acentuado e é levemente picante. Ideal para marinar carnes ou servir como acompanhamento. Ketchup DUM Jan Kubis A receita clássica do ketchup com o nosso toque especial,  levemente picante e com o sabor adocicado do tomate. Nosso ketchup leva na receita muito mais que os 35% de tomates que a legislação exige, ou seja, fazemos com ingredientes verdadeiros. Chutney de Manga DUM Karel IV Com sabor agridoce e picante, combina tanto com carnes de sabor mais intenso (como a de um cordeiro), quanto com as mais suaves, como as brancas. Sobre a Cípria Há 8 anos a Cípria, uma empresa familiar, foi criada com a intenção de reunir os melhores fornecedores, adotando um sistema de mercado justo (fair trade) que respeite o trabalho do pequeno e médio produtor ou cooperativa para que sobrevivam de forma digna no mercado. Dedica-se uma atenção especial ao produtor orgânico brasileiro para que cresça mutuamente com esta parceria, recompensando-o por qualidade e certificação. Com negociações sustentáveis e de grande comprometimento, fortalecem-se laços comerciais com estes fornecedores dentro e fora do país. Produtos raros a preços acessíveis são obtidos através de importação direta com parceiros em 79 países, com filial e hub logístico em Rotterdam. Desta...

Leia mais »

HarmonizaDUM 10: Petroleum e ravioli com cacau, chocolate e calda de frutas vermelhas por Roberto Mello

Postado em maio 5, 2016

O chef Roberto Mello preparou um ravioli com cacau, chocolate branco e caldas vermelhas para para acompanhar a Petroleum. “Faz parte do nosso dia a dia comer um belo prato de massa como prato principal de uma refeição, porém a massa é extremamente versátil, podendo ser utilizada tanto em entradas como em sobremesas. Durante a criação do cardápio do Volta ao Mundo Massas Criativas, foi impossível não fazer a referência à Bélgica com o chocolate. Por isso surgiu o Ravioli com massa de cacau, recheado com chocolate branco e cream cheese”, comenta o chef. Receita do ravioli com cacau, chocolate e calda de frutas vermelhas Ingredientes da massa: 500g de farinha 50g de cacau em pó 6 ovos Modo de preparo da massa: Basta bater tudo no processador, ou misturar na mão. Como a massa possui o cacau, ela deve ser sovada manualmente. Então é só abrir com o rolo ou um cilindro. Ingredientes do recheio de chocolate branco: 300gr de chocolate branco 200gr de nata 200gr  de cheam chesse Modo de preparo do recheio de chocolate branco: Derreta o chocolate branco em banho maria e misture o cream cheese com a nata. Após o chocolate derretido, misture com o chocolate branco. Coloque em um saca puxa para rechear os raviolis. Receita da calda de frutas vermelhas: 200g de morangos 200g de amoras 100g de framboesas 1 xícara de açucar suco de meio limão Preparo da calda de frutas vermelhas: Para as frutas, você pode usar tanto frescas como congeladas. Basta misturar as frutas e o açúcar em uma panela com fogo médio e cozinhar por aproximadamente 15 minutos, mexendo com frequência. Adicione o suco de limão e está pronto. Basta jogar a calda quentinha em cima de um delicioso ravioli doce. Chef convidado Roberto Mello: chef de Cuisine pelo Centro Europeu, profissional de massas pela La Vecchia Scuola Bolognese na Itália e Sommelier de cervejas pela Universidade Positivo. Chef do Volta ao Mundo Massas Criativas. Serviço: Kit HarmonizaDUM para levar para casa com preço especial 1 Ravioli de chocolate branco 1 Calda de frutas vermelhas 1 Petroleum R$ 49,90 Aonde encontrar essa harmonização em Curitiba: Volta ao mundo massas criativas Rua Nossa Senhora da Luz, 2055, Curitiba Site: http://voltaaomundogastronomia.com.br Facebook: http://www.facebook.com/voltaaomundomassas Horários de atendimento: segunda das 10h às 14h, terça a sábado das 10h às 19h30 e domingo das 10h às 14h Você pode comprar a Petroleum e o copo pela internet! Clique aqui e saiba...

Leia mais »

HarmonizaDUM 09: Jan Kubis e Ciasculo por Patrícia Skvira

Postado em abr 29, 2016

A chef Patrícia Skvira escolheu o salame Ciasculo da Monte Bello para acompanhar a Jan Kubis. O Ciauscolo é um salame macio de origem italiana, da região do Marche. Leva erva doce em sua composição. No Brasil, a produção é exclusiva da Monte Bello e começou a ser produzido pela Salumeria a pedido do Consulado Italiano. A Monte Bello respeita as características originais de produção, com o terroir da Serra da Graciosa que dá ao produto características regionais. A Monte Bello iniciou as suas atividades em 1998, com o objetivo de resgatar receitas e métodos de produção históricos de embutidos alemães e italianos. Depois de 4 anos de um meticuloso trabalho, pesquisando características originais como sabor, aroma, consistência e textura, os produtos passaram a ser comercializados. Assim, desde 2002 os produtos Monte Bello vêm conquistando as mesas dos consumidores atentos à qualidade da sua alimentação. A Monte Bello usa 100% de carne suína em seus produtos. São salsichas, salames, produtos curados e defumados feitos de forma artesanal e respeitando as exigências higiênico sanitárias modernas. Chef convidada Patrícia Skvira: Chef de Cuisine, Patissier e Sommelièr formada pelo Centro Europeu. Com passagem pelos restaurantes Manu e Zea Maïs, atualmente é integrante da equipe Celso Freire Gastronomia e Grupo Babilônia Gastronomia, professora no curso de Sommelier do Centro Europeu, ABS-PR, Colaboradora da Revista Vinícola e do Blog Enogastronomia de Classe. Serviço: Kit HarmonizaDUM: 1 Jan Kubis; 2 peças de Ciasculo; R$ 35. Aonde encontrar em Curitiba: Bon Vivant – Mercado municipal Terça a sábado das 8h às 18h Bon Vivant – Mercadoteca Segunda a sábado 9h às 21h Domingo 10h30 às 18h30 Você pode comprar a Jan Kubis e todos os nossos produtos pela internet! Clique aqui e saiba...

Leia mais »